0038. Menina poesia, agora mulher

Imagem romântica
Segunda geração
Clareza da Arcádia
Hipérbole da perfeição
Menina real
Mulher num meio natural
Símbolo parnasiano da beleza
Revolução moderna de inteligência
Renascimento da poesia sul-real
Clássico poema concretista
Morena pré-tropicalista
Contemporânea face da sabedoria
Esplendor de estilos literários
Mulher, menina, inatingível
Inigualável ser
Que só você,
Eliane, sabe ser

Deixe uma resposta