0941. Sonoras

Eu brinco com as palavras
como se vagassem por meu rosto.
Recostam-se em meu peito
e dão o sentido que faltava
a esse domingo paradoxal.

Era a intenção e a intensidade,
agora o marasmo e a memória:
dimensões que consolam
com o vagar das letras.

Não sou músico, escrevo.

Deixe uma resposta