1536. Balada estilhaçada

Eu sigo a fumaça do cigarro
Ela se dispersa no alto
Meus planos todos em cacos
Ideais esfumaçados

Meu copo caiu e ficou como tudo
O futuro num passo pode
Ser o que vai vir ou apenas
Um retorno ao absurdo

É só escolher
ou perecer
é só viver.

Deixe uma resposta