2997. Meu não-lugar meu

Esse não-lugar em que passo,
corpo meu por mim habitado,
já foi algo.
Havia nele ali vivo fato.
Território de opostos disputado:
o partido da felicidade
contra um movimento desolado.
Hoje é só um não-lugar,
outrora tão de mim espaço demarcado.

Anúncios
2997. Meu não-lugar meu

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s