3184. Metrômanas III

Quando a gente sai do buraco
aquele momento parco
de solidão cheia ao lado
é logo desolado
pelo contato imediato
já ritualizado
Salve o deus-celular
e seu paraíso hiper-conectado

Anúncios
3184. Metrômanas III

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s