3251. Deve de ter sido

Como imaginar a solidão de Deus?
A perfeição pede contemplação
desde si, desde outro

Aquela superfície de sem nada
e só a si em todo o comprimento
Uma largura de nada mais,
e tudo para ser posto

Como bastar-se com o inexistente?
Sem porquê ou para onde
além da própria presença absoluta
ou só a ondulação
do vago da matéria negra
a preencher as minúcias

Deve ter sido um muxoxo,
um enraivecer, uma depressão,
uma saudade

Deve de ter sido de banzo
que Deus se explodiu na grande explosão

Anúncios
3251. Deve de ter sido

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s