3266. Fone

Quase nunca sabemos que lágrimas,
gritos, gemidos ou sorrisos
escorrem pelos fones de ouvido

Essa que agora passou, sorri ao vento
e lá dentro, há o movimento
de Schubert a derretendo

Aquele ali que parado se embalança
e não é samba a sua dança,
é The Cure o que interno sangra

O senhor de bigode aparado
parece curtir um vanerão aprumado
mas o que toca é um bolero do passado

A moça de touca, o que a toca e demove
será um electro qual sua camisa cobre
ou a cadência triste de um choro nobre?

Quase nunca sabemos
o que movimenta o som
interno que temos

Anúncios
3266. Fone

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s