3367.

Acordei sangrando
e sonhei com água
aos cântaros
Aos poucos me atinei
que anoiteci
aos pedaços
Flutuando nesse caos
dos revolvimentos
E uma estrela
passou cadente
pela fresta entreaberta
da janela
Até que dormi

Deixe uma resposta