3993. Journey to dawn

Aquele que inicia
acima como abaixo
– fagulha cintila
centelha binária
dentro da expansão
que implode

O brilho da explosão
nos emoldura
antes do universo
o próprio contraespelho

O silêncio da matéria
reverbera na luz
que só emoldura a beleza
pela beleza do negro

A cada manhã o sol
tapa a imensidão da escuridão
com sua luz
e a mentira do azul
– o brilho e o anil que cegam

Toda noite o sol apaga
a sua razão
para o infinito não visto
enquanto cabeças dormem

O sol mente e trai
– atrai
todos os dias
esconde suas irmãs heliocentricamente
ego

  

Apagar o sol dentro
dois instantes
três
até reencontrar todas as estrelas
aqui embaixo

3993. Journey to dawn

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.