0754. Prelúdio de fim de noite

Sobre os restos dessa hora
Ficam os cacos do preenchido
No preludiar do avesso da aurora
Deitam as réstias de algo vazio

Só sobraram as moças com
calças brancas quase translúcidas
Só sobraram os homens com a
barba mal feita e suas barrigas
Só sobraram as luzes e essa
fumaça famélica do churrasquinho
e eu, tentando ser por inteiro
em meio às trabalhadoras da
noite e os consumidores noturnos

Deixe uma resposta