1571. O movimento

Bastava apenas um passo e tudo sairia do lugar
Era só tirar o foco e tudo seria diferente
E aquele movimento parado em minha mão agora é só isso:
sem ângulo, sem luz, sem enquadramento
uma alma aprisionada em pixels.

Deixe uma resposta