2924. não é ideia

o corte é na pele
e quem disse que alma não sangra?
verte um líquido viscoso e verde
a geração de caim
não quer se alimentar dessa esperança
e mesmo os hematófagos com sua sede anêmica
não lambem

mas o corte é na pele
e a ferida é na alma
laços entre a planta e o animal
quase um fungo
um cogumelo cinza aberto na tampa e azul embaixo
orelha de pau pregada na cabeça

com esse corte na pele
a alma morre
como se atar aos prédios
pelo pulo
e pelo espaço singular entre o topo e o asfalto
massa entre vários reinos no fundo
sangue verde coagulado na pedra
alma é matéria

Deixe uma resposta