3396. Atrevimento

O que o plasma anuncia em seu instante selvático ao largo do sol?
Quem se atreve a dizê-lo é, pois, o sem fim.
Como se sente a matéria negra que comprime a vastidão em desalcance?
Sente que é, esse mesmo momento do fluxo cambiante da energia, como nós.
Quem os planetas aprisionam nos enredos circulares de suas formas?
Assentam acima de suas peles e abaixo do sem fim, nós, que vivemos da mesma matéria e outra vida.
Certas de que somos firmes, firmes de que somos certos.
Não é porque somos poetas que sabemos disso que segreda os buracos negros,
nós não respondemos nada, apenas morremos, como os cometas que se perderão no helicoidal sem fim.
O que sustenta as equações que criamos para as perguntam que criamos é o que se constrói em todas as dimensões.
O universo sabe de tudo isto, e não fomos nós quem contamos: quem fala é o mistério dos quasares quase sendo sóis e quase sendo galáxias, quem diz são as estrelas que se acomodam pelos recantos frios do firmamento, prontas a serem algum calor no colar negro do céu, quem grita é o próprio firmamento que não se firma em nada, que eletrifica os céus nos pólos e alumbra as auroras, derrete as noites, traspassa os dias, os giros e as órbitas, em fluxos incessantes em busca do resquício desse tudo que ainda neles residem, a matéria primordial que em tudo pousa: o próprio tudo.
Somos só uma pausa do sem fim, tentando olhar para o centro de si, rolando em torno de alguma luz, numa dobra dessa colcha de pontos magnéticos que se atraem e repulsam. Giramos como os astros, habitando um sem fim que não enxergamos nos riscos de nossas peles. Nos atrevemos a existir, apartadas do sem fim. Não conseguimos.

Anúncios
3396. Atrevimento

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s