3500. Soneto

Belos, curtos, crespíssimos cabelos,
Donde se emaranham só com candura,
Grossos cachos, de luzir são novelos –
Dourado coroando a pele escura.

Colo de ébano, noturno relevo,
Ventre macio, perfeita gordura,
Juntos em corpo, se faz o enlevo
Que aprimora qualquer vênus figura.

Uma fala rápida, ácida e tática,
A mente desanda a ir mais além
É só toda ela, não tem uma máscara

Que tudo se adorna sempre que vem
E quando vai, a vida fica trágica,
Esquecendo saudosa que há algum bem.

Anúncios
3500. Soneto

Diga

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s