3718. Outros gênesis

Aqui começou o Azul,
tenho certeza
E foi nesse
mesmo ponto do ano

Assim que se separou
aquela massa de
trevas, lama e lava,
foi a primeira coisa
que Ela criou

Calma e feliz, Ela disse:
“Permita-se, Azul”
E dele todas as cores
foram jorrando em cascata
e se depositando
em cada forma que,
inexplicável,
se criava

Dos frutos do Azul,
todas as impossíveis
formas se adornaram
Germinaram beleza
desde o Azul

que aqui se permitiu
pela primeira vez.

Deixe uma resposta